Policia Federal faz operação em MS mira conselheiro do TCE-MS

Membros do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul são alvo da Operação Minério de Ouro, deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (08), em duas cidades sul-mato-grossenses, e no Distrito Federal.

Equipe da força-tarefa em frente ao Tribunal de Contas, em Campo Grande – Foto: Divulgação/PF

A Operação apura a prática dos crimes de peculato, crime que consiste no desvio de dinheiro público, corrupção passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

De acordo com a Polícia Federal, as investigações são um desdobramento da Operação Lama Asfáltica e, por se tratar de autoridades com prerrogativa de foro, as provas foram encaminhadas ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Foi autorizado então o inquérito para apurar o possível envolvimento de membros do TCE de Mato Grosso do Sul.

Estão sendo cumpridos 20 mandados de busca e apreensão em Campo Grande, Sidrolândia e Brasília.

As ordens judiciais foram expedidas pelo STJ e 102 policiais federais participam da operação, além de servidores da Controladoria-Geral da União e Receita Federal do Brasil. Com informações do Correio do Estado

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com