Ministério Público do Trabalho investiga fazenda em Miranda após denuncia de trabalho escravo

No final da semana passada, indígena formalizou denúncia ao MPT (Ministério Público do Trabalho) por trabalho análogo a escravidão em fazenda localizada no município de Miranda.

Os trabalhadores foram abrigados em barracos de madeira sem água, nem luz – Foto: Reprodução

Segundo o denunciante a Fazenda Morrinho, de propriedade do ex-prefeito Ivan Paz Bossay, já abrigou trabalhadores em condições degradantes de trabalho por mais de 50 anos. Segundo consta da denúncia, o local onde os trabalhadores eram abrigados, não tem luz, água, é de chão batido e não tem local adequado para fazer a comida.

Além da situação degradante, segundo consta na denúncia os trabalhadores eram submetidos a humilhação e assédio moral.

Segundo o indígena que denunciou a situação, um outro trabalhador executava o serviço de manutenção de cerca entre os meses de março e abril desse ano. “Antes dele o pai que morreu há dois meses, morou na fazenda por 52 anos”

Ainda consta na denuncia, que o tempo que permaneceram na fazenda, os trabalhadores não foram autorizados a ir a cidade para visitar os familiares. “O patrão justificava que era para não contrair o coronavírus. Ele também combinou um preço pelo serviço, mas acabou pagando o valor bem abaixo do combinado”.

O barraco é de chão batido e não tem local adequado para fazer a comida – Foto: Reprodução

O denunciante informou também, que além deles outros quatro indígenas estariam sendo submetidos a mesma situação e estão sendo abrigados em barracos de madeira sem água, nem luz.

É o que diz a denúncia de indígena sobre as condições degradantes de trabalho oferecidas na Fazenda Morrinho do município de Miranda. O caso foi encaminhado ao MPT (Ministério Público do Trabalho) e será investigada.

Em agosto do ano passado de 2019, o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) cassou o mandato da prefeita de Miranda, Marlene de Matos Bossay (MDB), do vice, Adailton Rojo Alves (PTB), e também do vereador Ivan Bossay (MDB), filho de Marlene e do ex-prefeito, Ivan Paz Bossay, proprietário da Fazenda Morrinho.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com