PMA realiza campanha educativa sobre atropelamentos de animais silvestres na BR-262

A Polícia Militar Ambiental tem resgatado diversos animais atropelados em diversas rodovias do Estado. Apesar de trabalhos de intervenção e estudos para minimização dos atropelamentos realizados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT), com a Universidade Federal do Paraná (UFPR), de Curitiba (PR), uma das rodovias com maior índice de acidentes é a BR 262, especialmente, nos trechos em que a rodovia corta o Pantanal.

A Polícia Militar Ambiental acredita que a principal forma de redução dos atropelamentos ainda é a sensibilização dos motoristas. Com certeza, mantendo a velocidade da via, bem como tendo mais atenção aos animais que surgem às margens da rodovia, os motoristas são capazes de minimizar os números, até porque, o prejuízo muitas vezes, também é do patrimônio e da vida dos próprios usuários nos acidentes.

Nesta quint-feira(4), Policiais Militares de Corumbá e do Destacamento de Polícia Militar Ambiental do Buraco das Piranhas realizam trabalho educativo na BR 262, em frente ao Posto da PMA, com distribuição de panfletos sobre os problemas relativos aos atropelamentos de animais silvestres, comuns na rodovia, visando a sensibilizar os condutores de veículos que trafegam pela BR, no intuito de minimizar o atropelamento de animais silvestres.

Só pela manhã, foram abordados 40 veículos e orientados 95 usuários. Os policiais também ouviam e anotavam sugestões dos motoristas sobre o assunto.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com