TRIBUNAL DE CONTAS-SINDROME DE DOW_ABRIL 2024

 

Início » Sampri e Bianca Bacha celebram Dia Internacional da Mulher com entrada franca

Sampri e Bianca Bacha celebram Dia Internacional da Mulher com entrada franca

por Redacao
0 comentário

O grupo de samba Sampri e a musicista Bianca Bacha celebram com o público neste domingo (8), na Concha Acústica Helena Meirelles, no Parque das Nações Indígenas o Dia Internacional da Mulher. O evento, com entrada franca, começa a partir das 18 horas.

Realizado pelo Governo do Estado, com organização da Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres, População Indígena e Juventude e Secretaria de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação, a ação compõe a agenda do Mês da Mulher, preparada pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho.

“Para celebrar o dia 8 de março, uma data emblemática da luta das mulheres por igualdade de direitos e oportunidades, realizaremos um evento cultural protagonizado por mulheres que alcançaram o sucesso e reconhecimento de público e crítica no cenário musical sul-mato-grossense”, destacou Luciana Azambuja, gestora estadual de Políticas Públicas para as Mulheres.

O grupo Sampri nasceu de uma roda de samba de fundo de quintal, da conversa calorosa e da batucada intimista. Foi criado em 2002 de forma inusitada e, desde 2005, segue sua trajetória com três irmãs: Magally, Luciana e Renatinha, que contam com o talento de dois grandes percussionistas para acompanhá-las.

O viés poliglota do trabalho de Bianca Bacha é resultado de suas experiências pessoais mundo a fora, que lhe permitiram a constatação evidente de que sua identidade e a riqueza da música sul-mato-grossense não encontram barreiras nem para se relacionar nem para ganhar o mundo. Para a cantora, a composição é liberdade e a música, essa não tem que ter barreiras. Suas letras discorrem sobre sentimentos, temas tão universais que a melhor maneira de explicar é recomendar que se aperte o play e sinta.

Você Pode Gostar

©1993-2023 – Gazeta do Pantanal