TRIBUNAL DE CONTAS-SINDROME DE DOW_ABRIL 2024

 

Início » Santos e Vitória buscam título inédito para ‘encerrar’ bem 2010

Santos e Vitória buscam título inédito para ‘encerrar’ bem 2010

por Redacao
0 comentário

Uma final inédita em vários sentidos. Nesta quarta-feira, às 21h50m (horário de Brasília), na Vila Belmiro, Santos e Vitória disputam a final da Copa do Brasil, título que ambos ainda não têm. Aliás, é a primeira vez que Peixe e Leão chegam à decisão da segunda principal competição brasileira. E mais: os dois times, embora tradicionais, jamais haviam se encontrado em uma decisão. O título, além de dar moral, garante também uma vaga na Taça Libertadores. É mais ou menos como fechar o ano com chave de ouro com seis meses de antecedência. O jogo de volta será dia 4 de agosto, no Barradão, em Salvador.

Em comum, Santos e Vitória chegam a essa decisão ostentando títulos estaduais e ótimas campanhas no primeiro semestre. Têm também ótimo desempenho em casa na Copa do Brasil. O Peixe tem a impressionante marca de 24 gols em quatro jogos, graças às duas maiores goleadas da competição neste ano: 10 a 0 no Naviraiense-MS, pela primeira fase, e 8 a 1 no Guarani, pelas oitavas de final. O Vitória também não tem dado refresco para seus adversários no Barradão. Foram cinco jogos pela competição nacional. O Leão venceu todos, marcou 19 gols e não sofreu nenhum. Um confronto que promete equilíbrio.

– O Vitória tem um estilo muito parecido com o do Santos – analisa o técnico alvinegro Dorival Júnior.

Dorival Júnior ainda não confirma a escalação do time santista para a decisão. Ele pode optar por manter o time com três atacantes ou por escalar uma equipe mais cautelosa, tirando um dos atacantes para colocar o meia Marquinhos. Caso opte por Marquinhos, o Peixe terá Neymar e Robinho na frente. Caso contrário, entra um centroavante: resta saber se André o Marcel.

– Tenho essas duas dúvidas, mas não é algo que vá alterar muito o comportamento do time dentro de campo – afirmou o treinador.

Por outro lado, Dorival já confirmou os substitutos do zagueiro Edu Dracena e do lateral-esquerdo Léo, ambos suspensos. Bruno Aguiar entra na zaga e Léo, na ala.

Mistério até o último momento

No Vitória, o técnico Ricardo Silva gosta de manter o mistério e brinca com a situação. Diz que só divulga a escalação se Dorival Júnior fizer o mesmo pelo lado santista. No entanto, ele já deu pistas do que deve fazer na Vila Belmiro. No treino da última terça-feira, ele sanou as duas dúvidas que tinha para montar a equipe.

No meio de campo, Fernando deve ser mantido. Bida chegou a treinar entre os titulares, mas deve começar no banco. Já no ataque, Schwenck é o favorito na disputa com Júnior para compor o setor ao lado de Elkeson. O técnico do Leão diz que o que vale é o momento de cada jogador.

– Quem estiver melhor, vai jogar. É assim que eu trabalho – disse Ricardo Silva.

As baixas são Viáfara, suspenso, e Nino, machucado. No gol, Lee substitui o colombiano. Na lateral direita, Rafael Cruz será improvisado. Ele é meia de origem. O lateral Jonas, o volante Ricardo Conceição e o atacante Soares não estão inscritos na Copa do Brasil e também não jogam.

SANTOS  X  VITÓRIA
Rafael, Pará, Bruno Aguiar, Durval e Alex Sandro; Arouca, Wesley e Paulo Henrique Ganso; Robinho, André (Marcel ou Marquinhos) e Neymar Lee, Rafael Cruz, Wallace, Anderson Martins e Egídio; Vanderson, Neto Coruja, Fernando e Ramon; Elkeson e Schwenck (Júnior)
Técnico: Dorival Júnior Técnico: Ricardo Silva
Local: Vila Belmiro, em Santos. Data: 28/07/2010, às 21h50m (horário de Brasília)
Árbitro: Leonardo Gaciba (RS)
Auxiliares: Altemir Hausmann (RS) e Roberto Braatz (PR)

Globo.com

Você Pode Gostar

©1993-2023 – Gazeta do Pantanal