TCE_IMPOSTO DE RENDA_MAIO 2024

 

Início » PMA de Corumbá realiza curso de taxidermia com acadêmicos

PMA de Corumbá realiza curso de taxidermia com acadêmicos

por Redacao
0 comentário

A Polícia Militar Ambiental (PMA) está realizando um curso de taxidermia de animais silvestres em parceria com a Faculdade Salesiana de Santa Tereza de Corumbá. O material do curso será utilizado no novo espaço de Educação Ambiental da PMA de Corumbá.  

O curso prepara os policiais para aproveitamento de animais atropelados, ou que morrem no Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras), fazendo taxidermia para serem utilizados em oficinas de educação ambiental principalmente em escolas, para discutir os problemas relacionados à fauna.

De acordo com a PMA, a parceria também leva benefícios para a universidade, porque prepara os acadêmicos dos cursos de Zootecnia local e profissionais da área, para produzir material para composição do acervo de museus. Além disso, os alunos têm contato com animais da nossa fauna, manuseando e adquirindo conhecimentos de taxidermia e anatomia.

Participarão do curso ainda diversas instituições, como: Polícia Civil, Marinha do Brasil e alunos de outras universidades. Ao todo serão 45 participantes.

No curso devem ser confeccionados cerca de 80 animais silvestres taxidermizados. Serão montadas antas, capivaras, jacarés, jaguatiricas, gambás, veados, cuícas, tatus, cutias, tamanduás, lobinhos, onças, lobo-guarás, entre outros. O curso é ministrado pelos policiais ambientais taxidermistas Gláucio Mendes de Souza, que é biólogo, Vilson da Silva Souza, estudante de Biologia e o gestor ambiental Claudeir Mikoleite.

Taxidermia

A Taxidermia uma técnica aplicada somente em animais vertebrados e seus registros mais antigos remontam ao império egípcio, há cerca de 2.500 a.C. Popularmente o termo “empalhar” já foi usado como sinônimo de “taxidermizar”, entretanto, há muito tempo não se usam mais os rústicos manequins de palha e barro para substituir o corpo dos animais.   

Utilizada para fins de conservação de animais que podem ser utilizados na composição de coleções didáticas, científicas em museus de história natural, a Taxidermia permite que os alunos conheçam os animais da fauna brasileira, sua anatomia e fisiologia, ecto e endo-parasitas, entre outros. A taxidermia tem como principal objetivo o resgate de espécimes descartados, reconstituindo suas características físicas e, às vezes, simulando seu habitat, o mais fielmente possível.

Você Pode Gostar

©1993-2023 – Gazeta do Pantanal