CASSEMS-HOSPITAL DOURADOS-NOVEMBRO

 

Início » Adilvo Mazzini homenageado em Dourados

Adilvo Mazzini homenageado em Dourados

por Redacao
0 comentário

Um dos fundadores e regente do coral Santa Cecília

Incentivo à leitura, diversão e solidariedade. Foi esse o tom da III Oficina de Incentivo à Leitura e Informação e da Gincana Cultural, realizadas em Dourados, entre os dias 24 e 29 de maio. Mais de 350 pessoas participaram do evento, entre funcionários dos Correios, familiares e convidados. O poeta e maestro Adilvo Mazzini foi homenageado pela contribuição à cultura do estado. O tema da Oficina deste ano foi “Educação e Leitura: Para que todas as crianças tenham vida”, inspirado em Zilda Arns.

A programação incluiu oficinas específicas para o público infantil e adulto e todas foram um sucesso, tendo participação ativa do público. Da mesma forma, a Gincana movimentou as unidades dos Correios em Dourados e a comunidade, conseguindo arrecadar com a sociedade local mais de meia tonelada de alimentos (584,22kg), que serão doados a instituição Toca de Assis e outras entidades indicadas pelas equipes.

Além da solidariedade, a Gincana estimulou a leitura e a cultura. Na prova de matemática, por exemplo, dois participantes gabaritaram a avaliação, enquanto que na Prova Musical, as mímicas fizeram a diversão da torcida. No mini-circuito, etapa que misturou provas físicas e culturais, a disputa foi acirrada. Mas foi no Soletrando que a competição foi definida, tendo como primeira colocada a equipe “Desenho Animado”, com 7450 pontos e em segundo lugar a “Bafana/Bafana”, com 6950. Em terceiro e quarto lugares ficaram as equipes “Curumim” e “Futuro do Brasil”, respectivamente.

Homenagem a Adilvo Mazzini

O reconhecimento a uma personalidade local já faz parte da programação das Oficinas de Leitura de Dourados. O escolhido pelos colaboradores da cidade neste ano foi

o poeta e maestro Adilvo Mazzini. Mazzini é um dos fundadores e regente

 do coral Santa Cecília, hoje Centro Cultural Guaraoby de Dourados, além de ser Poeta Del Mundo, Cônsul de Dourados e ter recebido o título de Cidadão Douradense.

Emocionante, a cerimônia exibiu um vídeo em estímulo à paz e teve a participação da professora Lori Gresler, que falou sobre o homenageado e fez um brinde a todos os colaboradores e aos Correios pela iniciativa.

Quem também encantou o público foi o menino Rafael Diego, o Rafinha. O garoto, que sofre de tetraplegia e autismo, é integrante do projeto Alecrim de Dourados e aluno de música de Mazzini. Com as canções que executou e pela lição de vida que deu, Rafinha demonstrou que, assim como o homenageado, há tantos outros exemplos de superação e boa vontade espalhados pelo mundo. Esse foi mais um dos incentivos que a Oficina levou a Dourados, o da contribuição pessoal por um mundo melhor.

Você Pode Gostar

©1993-2023 – Gazeta do Pantanal