Covid-19: Empresas instaladas em MS aderem ao movimento não demita

Grandes empresas instaladas em Mato Grosso do Sul aderiram ao movimento #naodemita. É o caso da Suzano e da BRF, que se comprometeram a não fazer demissões e cumprir com o pagamento de funcionários e fornecedores pelos próximos 60 dias, garantindo a renda de centenas de famílias e a sustentabilidade da economia.

Suzano e  BRF, que se comprometeram a não fazer demissões – foto: Divulgação

As ações das empresas estão sendo monitoradas pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) por meio do Comitê de Gestão para Monitoramento das Ações da Pasta, criado para auxiliar na orientação ao setor produtivo e acompanhar, avaliar e orientar as ações desenvolvidas pela Secretaria no combate e na mitigação dos efeitos da pandemia do coronavírus (Covid-19).

Além de não demitir seus colaboradores, as empresas também estão contratando pessoas temporariamente para substituir as que estão afastadas por fazerem parte de grupos de risco. Neste momento de incertezas, a Semagro tem trabalhado para manter a atividade econômica e os empregos de Mato Grosso do Sul.

“Iniciativas como esta tomadas por empresas de grande porte e com relevante participação na economia estadual são muito importantes para o Estado. Quanto mais conseguirmos manter os empregos e renda da população, mais rápida será nossa retomada econômica após a crise causada pela pandemia do coronavírus”, explica o titular da Semagro, secretário Jaime Verruck.

Em uma outra ação, a Suzano doou respiradores e máscaras para serem usadas em Mato Grosso do Sul no combate à pandemia. As doações chegaram ao Estado neste sábado. Confira as informações aqui.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com