MS não corre risco de desabastecimento de alimentos por conta do COVID-19

Na tarde de ontem dia (18) de março, houve um surto de compras nos supermercados de Campo Grande e em algumas cidades do interior do Estado. Com isso a Associação de Supermercados emitiu nota, nesta quinta-feira, 19  tranquilizando toda a população.

AMAS recomenda que se acharem necessário os gerentes limitem a quantidade de produto por cliente – Foto: Reprodução

“Estamos enfrentando a Pandemia do coronavírus, mas queremos salientar que não há falta de nenhum produto nos supermercados, exceto o álcool em gel. A colaboração da população neste momento é muito importante, para evitarmos a aglomeração de pessoas, no sentido de prevenção da doença”, enfatizou um dos diretores da entidade.

Vale ressaltar que as prateleiras dos supermercados se encontram vazias as vezes por conta do alto índice de compras, e com os supermercados lotados não tem como os funcionários reporem as gôndolas.

É evidente a falta do álcool em gel, devido a intensa procura e aquisição nos últimos dias, porém os principais fabricantes já sinalizaram o aumento significativo na produção deste produto que em breve chegará aos supermercados.

A AMAS recomenda à todos as redes de supermercados que consultem os seus estoques e as compras futuras, para que não falte nenhum produto em suas lojas, e se acharem necessário limitem a quantidade de produto por cliente. Lembrando que essa conduta vai depender da gerência de cada rede de supermercados.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com