Ex-governadores de MS recebem homenagem na Assembléia

“Uma cidade bonita. Uma beleza vê-la do céu como vi nesta manhã”. Assim Nelson Martins, filho do ex-governador Wilson Barbosa Martins, descreveu sua chegada à Capital ao receber a comenda do Mérito Legislativo representando o pai. Esta noite do dia 13 de agosto foi de celebração na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. Os deputados estaduais homenagearam todos os ex-governadores do Estado. O evento faz parte das comemorações dos 40 anos da 1ª Constituição Estadual.

A comenda do Mérito Legislativo é o reconhecimento aos governadores que fizeram e fazem parte da história do Estado e do Parlamento Sul-Mato-Grossense. A sessão solene aconteceu no Plenário Júlio Maia. Para o deputado Paulo Corrêa (PSDB), presidente da Casa de Leis, a homenagem é importante para o reconhecimento da história de Mato Grosso do Sul. “A nossa Casa está realizando essa sessão solene dedicada às famílias e aos líderes que merecem nosso respeito e a nossa homenagem. Sem governadores, sem Constituição. Precisamos olhar para o passado, para construir um futuro ainda melhor”, afirmou o parlamentar, que disse ainda: “A história não dá saltos”.

Filho do primeiro governador do estado de Mato Grosso do Sul, Harry Amorim da Costa, Zeco Amorim falou da satisfação em representar o pai. “Dos filhos do Harry sou o único que me mantenho aqui em Campo Grande, tenho filho nascido aqui que carrega o nome do avô. Sei que o pai, como primeiro governador, deu a primeira alavancada pra estruturar o filho mais novo da República do Brasil e, sendo assim, ele se esmerou em fazer a base sólida para que depois disso fosse feito o desenvolvimento. Hoje sinto muita felicidade e muita saudade, fico muito grato a todos vocês”, afirmou Amorim.

Nelson Martins, filho de Wilson Barbosa Martins e irmão da ex-deputada estadual Celina Jallad, afirmou que se orgulha em receber a homenagem representando o pai. “Muito me honra receber esta homenagem. Nesta Casa onde foi velada a minha irmã, Celina Jallad, que tinha muito orgulho deste lugar. Neste momento quero destacar o amor que meu pai tinha pelo Estado de Mato Grosso do Sul. Amor que transbordava em seus discursos improvisados, ao lado de minha mãe. Por todo lugar existem pessoas que nutrem por ele simpatia e admiração. E nós esperamos que ele seja um exemplo para gerações futuras”, afirmou.

Um dos ex-governadores homenageados, André Puccinelli (MDB) também afirmou sentir-se honrado. “Esta homenagem nos orgulha e honra, não apenas enquanto agente político, mas enquanto cidadãos, filhos de Mato Grosso do Sul. Creio que todos nós, ex-governadores, sentimos esta honra e satisfação por participar dessa bela história do nosso Estado, que é promissor”, afirmou Puccinelli.

Na entrega da comenda ao ex-governador Pedro Pedrossian, in memoriam, Pedro Pedrossian Neto representou o avô. Ele relembrou como a formação em engenharia influenciou Pedro Pedrossian a realizar grandes obras, como o Parque dos Poderes e, ainda, elogiou a iniciativa da Casa de Leis em realizar a homenagem. “Quero agradecer a sensibilidade de Paulo Corrêa e todos os deputados da Casa. Inclusive, por escolher o dia 13 de agosto, que era o aniversário do meu avô. É muito bom ver o nome de Miranda nessa Casa hoje, quando há quase dois anos vivemos sem o Pedro Pedrossian. Tudo o que meu avô fez, foi porque ele acreditava na força pujante de Mato Grosso do Sul”, afirmou.

Ex-governador e atual deputado estadual, Londres Machado (PSD) afirmou que é marcante para ele ter participado dos governos também enquanto parlamentar. “Eu fui um governador constitucional, fui chamado para assumir o governo por ser o presidente da Casa de Leis. Assinei diversos atos, inclusive em prol do ensino naquela época, dos profissionais da educação. Assumi o governo e entreguei o Estado em ordem. E eu participei e participo hoje, dentro desta Casa de Leis, de todos os governos, enquanto deputado estadual. Posso dizer que trabalhei junto de todos os governadores de Mato Grosso do Sul”, destacou o deputado.

Os governadores homenageados foram Harry Amorim da Costa, Londres Machado, Marcelo Miranda Soares, Pedro Pedrossian, Wilson Barbosa Martins, Ramez Tebet, José Orcírio Miranda dos Santos, André Puccinelli e Reinaldo Azambuja.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com