Estudantes de MS vencem Projeto Cineastas 360º

Mato Grosso do Sul levou o primeiro lugar nacional do Festival Projeto Cineastas 360º, realizado pelo Facebook em parceria com a ONG Recorde. A cerimônia de premiação ocorreu nesta terça-feira, 11, no Salão Nobre da Câmara dos Deputados.

O filme vencedor da competição foi o “Construindo a liberdade”, que conta como pessoas em situação de reclusão buscam a ressocialização reformando escolas e universidades. O filme foi produzido pelos alunos sul-mato-grossenses Ryan Soares Ferreira, Lucas Santos Felix e Guilherme Augusto de Jesus Gomes.

O filme foi produzido pelos alunos sul-mato-grossenses Ryan Soares Ferreira, Lucas Santos Felix e Guilherme Augusto de Jesus Gomes – Foto: Divulgação

A senadora elogiou a temática do filme e ressaltou a importância da educação como garantia de oportunidade na vida. “Hoje no Brasil se discute muito o encarceramento e o aumento de pena, só que cada vez mais fica claro e nítido que é possível fazer a diferença pela educação”, disse.

A Escola Estadual Lino Villachá também venceu a competição regional (Centro-Oeste), na categoria acessibilidade, com o filme “Uma curva na história”, sobre uma menina que sofreu um acidente de carro, dos estudantes Carlos Magno, Lauanda Teixeira e Pedro Vinicius dos Santos.

Os alunos receberam a orientação das professoras-orientadoras Roze Maclaine Paiva, Camila Sacconi Machado e Marilene para realizar os dois filmes.

O Projeto Cineastas 360º capacita alunos e educadores de escolas públicas de todo o país a usarem a tecnologia de vídeo para produzir filmes em realidade virtual que retratem questões relevantes de suas comunidades. Em 2018 e 2019, o projeto atendeu mais de 500 alunos, de 15 escolas espalhadas por todo o Brasil.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com