Tio é preso por estuprar a sobrinha ao longo de sete anos em Corumbá

Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil de Corumbá prendeu preventivamente um homem de 50 anos pelo crime de estupro de vulnerável. Conforme apurado, o autor violentou sexualmente a sobrinha, hoje com 14 anos, durante sete anos.  O caso é investigado pela Delegacia de Atendimento à Infância, Juventude e Idoso (Daiji) de Corumbá.

O caso é investigado pela Polícia Civil em Corumbá – Foto: Divulgação

A prisão ocorreu na quarta-feira, em Bonito, com apoio de investigadores da delegacia local. Consta no registro policial que em fevereiro deste ano houve uma suposta prática de estupro de vulnerável envolvendo a adolescente de 14 anos, a qual teria sido vítima de atos libidinosos desde os 7 anos de idade por seu tio.

Após o registro da ocorrência, a polícia representou pela prisão preventiva do suposto autor.  Após o cumprimento do mandado, a equipe do SIG se deslocou até Bonito para as providências cabíveis, dentre elas, o interrogatório do suposto autor e recâmbio para o Estabelecimento Penal de Corumbá. Este é o décimo segundo caso envolvendo estupro de vulnerável apurado pela Daiji. Com informações do Correio do Estado

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com