Sindicato pede que Lula seja transferido de Curitiba

O sindicato dos Delegados de Polícia Federal encaminhou um ofício para a Superintendência da Polícia Federal no Estado do Paraná onde solicitou a transferência imediata do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva da sede da PF em Curitiba. No documento, a entidade argumentou que o político fique preso em um local onde não traga ”transtornos e riscos à população e aos funcionários da corporação”.

Pedido argumenta que o ex-presidente seja transferido para um local onde não traga ‘transtornos e riscos à população e aos funcionários da Polícia Federal’

Preso desde o último sábado (7), a chegada de Lula alterou toda a rotina da região onde fica a sede da PF, no bairro de Santa Cândida, na capital paranaense. Apoiadores ocupam o local e um acampamento de militantes foi montado nas redondezas. Até a Executiva Nacional do PT agora está estabelecida em Curitiba.

Além de abrigar o ex-presidente, o local atende diariamente centenas de pessoas que buscam emitir passaportes, certidões negativas e outros serviços. No ofício do sindicato, a entidade afirma que essa prestação de serviços ficou prejudicada desde a chegada de Lula. “Em razão da invasão da região próxima deste prédio de centenas de pessoas ligadas a movimentos sociais e outras facções, por questões de segurança, foi determinado o bloqueio de acessos e demais medidas assecuratórias, causando graves inconvenientes e atrasos nos atendimentos e ações policiais”, argumentou.

O Destak procurou a defesa de Lula, porém até a publicação desta matéria os advogados não se manifestaram.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com