Evento discute Modo de Fazer Viola de Cocho em Corumbá

Teve início hoje 04 de dezembro, o “Seminário Viola de Cocho: a construção começa pelo conhecimento”. Realizada na sede do Escritório Técnico II Corumbá – Iphan/MS, a iniciativa foi contemplada com recursos do Fundo de Investimentos Culturais do Pantanal (FIC/Pantanal). O evento vai até a sexta-feira, dia 08.

Seo Sebastião já fez mais de 500 violas e tem prazer em repassar segredos da confecção. Foto: Divulgação

O seminário é um espaço destinado ao diálogo abordando as ações realizadas ao longo de 12 anos – de Registro como Patrimônio Imaterial Nacional, do Modo de Fazer Viola de Cocho – para salvaguarda do modo de fazer, as atuais dificuldades e ações futuras.

O evento conta com a participação de mestres cururueiros, do professor Ricardo Gomes da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) e da superintendência do Mato Grosso. A programação traz mesas redondas, palestras e apresentações. Também será discutida a revalidação do Modo de Fazer a Viola de Cocho, registrado pelo Iphan como Patrimônio Cultural do Brasil, com a presença das superintendências do Mato Grosso do Sul, do Mato Grosso e do professor Ricardo Gomes.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com