PMA de Batayporã autua proprietário rural em R$ 15 mil por drenar lagoa natural

Uma lagoa que estava sendo drenada foi localizada, quando uma equipe de Policiais Militares Ambientais de Batayporã realizava fiscalização em uma propriedade rural, localizada a 15 km da cidade nesta quarta-feira (8). O fazendeiro escavou um dreno para secar a lagoa natural, em sua propriedade, a qual fica dentro de uma Unidade de Conservação Federal denominada Ilhas e Várzeas do Ivinhema (Área de Proteção Ambiental – APA).

O infrator (62), residente em Nova Andradina, foi autuado administrativamente por danificar área considerada de preservação permanente (matas ciliares) e foi multado em R$ 15.000,00. Ele também responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de detenção de um a três anos.

As atividades foram interditadas e o proprietário rural foi notificado a realizar um Plano de Recuperação de Áreas Degradadas e Alteradas (PRADA), junto ao órgão ambiental.

Sem Comentarios

2010 © Gazeta do Pantanal - Campo Grande - MS - www.gazetadopantanal.com